Álcool na amamentação

A ingestão de álcool na gravidez é totalmente contraindicada e não é aconselhada na amamentação.
🍷Sabendo que muitas mulheres gostariam de ingerir alguma quantidade de álcool, vou postar para vocês algumas orientações para a tomada dessa decisão: ❗️Não recomendo para mães de bebês recém nascidos, pois eles são tão pequeninhos!

O que é preciso considerar?
1️⃣ A idade do bebê.
2️⃣ O peso da mulher (quanto menor, maior o efeito da dose).
3️⃣ A quantidade ingerida.
➡️ A mãe que consome álcool regularmente deve ser orientada a observar a criança em relação a possíveis efeitos colaterais, tais como alteração no padrão alimentar, hábitos de sono, agitação, tônus muscular e distúrbios gastrointestinais.
✅ O consumo de álcool deve ser esporádico e não um hábito diário.
Atitudes aconselháveis:
➡️ Amamentar antes de beber (e dependendo da demanda do bebê – extrair leite para oferecer durante o intervalo).
❗️Não é necessário extrair leite para “retirar” o álcool. Ele é excretado pelo organismo.
➡️ Esperar um intervalo médio de 2 horas e meia após a ingestão de uma dose (consulte a tabela na foto 2).
➡️ As tabelas de segurança são apenas um norte, é preciso ter prudência na hora do uso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *